19.5 C
São Paulo
quinta-feira, 18 abr, 2024
Portal Big ABC by Juliana Bontorim
Big ABC Cidades Diadema Mauá Principal Ribeirão Pires Rio Grande da Serra Santo André São Bernardo do Campo São Caetano do Sul

Com saldo positivo, Grande ABC registra 37 mil empregos com carteira assinada

O Grande ABC fechou 2021 com saldo positivo na geração de vagas formais de emprego, totalizando mais de 37 mil vagas formais abertas. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). As informações, divulgadas pelo Ministério da Economia, foram organizadas pelo Observatório Grande ABC, iniciativa do Consórcio Intermunicipal Grande ABC e da Agência de Desenvolvimento Econômico Grande ABC, com o objetivo de levantar números regionais dos mais diversos setores para embasar políticas públicas para a região.

Todos os municípios fecharam o ano com saldo positivo: Diadema (+4.816 vagas), Mauá (+4.771), Ribeirão Pires (+644), Rio Grande da Serra (+49), Santo André (+8.557), São Bernardo do Campo (+13.017) e São Caetano do Sul (+5.160).

No saldo por sexo vemos que, no ano de 2021, o saldo entre os homens (+20.470) foi maior do que o entre as mulheres (+16.544). Em relação à escolaridade, o resultado do ano demonstrou predomínio de vagas para pessoas com o nível médio completo (+35.566).

Em relação às idades, os mais jovens continuam dominando o saldo, com mais de 22,7 mil vagas para a faixa de 18 a 24 anos. O setor com melhor resultado em 2021 foi o setor de Serviços (+16.095 vagas), seguido pelos setores Comércio (+9.010), Indústria (+6.054), Construção (+5.848) e Agropecuária (+7).

O presidente do Consórcio ABC e prefeito de Santo André, Paulo Serra, ressaltou a retomada da criação de postos de trabalho nas sete cidades. “Os números mostram a retomada econômica no Grande ABC, que fortalecem a geração de emprego e renda para a nossa gente. Uma recuperação importante, após o impacto causado pela crise econômica deflagrada pela pandemia de Covid-19, que afetou a criação de novos postos de trabalho em toda a região nos últimos dois anos”, afirmou.

Para o presidente da Agência de Desenvolvimento, Aroaldo Oliveira da Silva, é necessário melhorar ainda mais esses indicadores. “O saldo positivo tem que ser comemorado em um momento como esse, mas os números ainda são baixos para uma região com 3 milhões de habitantes. Por isso, é necessária a união de esforços do poder público e da iniciativa privada”, disse.

Em dezembro, o Grande ABC apresentou saldo negativo com o fechamento de 3,9 mil vagas. O resultado negativo em dezembro é uma tendência do mercado de trabalho, sendo também verificado no resultado estadual e nacional.

 

 

Texto: Consórcio Municipal do Grande ABC

Foto: Reprodução

Artigos Relacionados

População regional ganhará Hospital Universitário

Juliana Bontorim

Boteco 5 Esquinas comemora três anos com abertura do “anexo”

Juliana Bontorim

Coordenadoria de Diversidades planeja ações em prol da população LGBTQIA+

Juliana Bontorim
Carregando....

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Saiba Mais

Política de Privacidade & Cookies
error