21.8 C
São Paulo
segunda-feira, 15 abr, 2024
Portal Big ABC by Juliana Bontorim
Cidades Eventos Principal São Bernardo do Campo

Mostra de arte traz acessibilidade e inclusão para pessoas com deficiência

São Bernardo recebe, pela primeira vez, mostra de arte totalmente acessível para pessoas com deficiência. Trata-se do projeto “Semente que Sente, um Cultivo às Diferenças”, uma exposição de instalação sensorial, interativa e inclusiva. A atração estará disponível gratuitamente até sexta-feira (21/1), das 10h às 16h30, na Biblioteca Malba Tahan (Rua Helena Jacquey, 208, Rudge Ramos).

Realizada de forma coletiva por quatro multiartistas do Grande ABC, a instalação oferece quatro ambientes: semear, germinar, florescer e morrer. Por meio das fases de uma planta, o projeto busca a reflexão do público sobre a diversidade e o aspecto único de cada ser vivente. As quatro artistas responsáveis pelas obras que compõem a exposição são Andreia Maressa, Maria Paula, Mariana Sancar e Mel Zabunov.

Conforme explica a idealizadora do projeto, Mariana Sancar, todas as artistas optaram por trabalhar com diferentes técnicas de pintura, colagem, dobradura, escultura com materiais recicláveis, fotografia e principalmente técnicas mescladas para proporcionar diferentes tipos de estímulo dos sentidos, para além da visão. “É um impulso à reflexão do quanto nos disponibilizamos a olhar os recortes da vida em outras perspectivas, assim como pensar sobre os ciclos de todo ser vivente a partir da trajetória de uma planta”, afirma.

A arte inclusiva

Para a secretária de Cultura e Juventude, Ligia Ramos, tornar a cultura acessível a toda a população é uma prioridade. Estima-se que, atualmente, São Bernardo tenha mais de 158 mil habitantes com deficiência visual. “Nosso objetivo é ampliar cada vez mais o acesso aos mais diversos tipos de atividades e atrações a todo o público, em especial àquele com deficiências”, ressalta.

Todas as obras da mostra possuem audiodescrição. A entrada é franca e a visitação é monitorada, seguindo todos os protocolos de segurança sanitária. É recomendado levar aparelho celular com leitura de QR Code e fones de ouvido próprios. Outras informações podem ser obtidas no endereço eletrônico https://www.saobernardo.sp.gov.br/web/cultura/agendacultural.

Texto: Natália Fernandes

Fotos: Omar Matsumoto/PMSBC

 

Acompanhe mais notícias, aqui! 

Artigos Relacionados

Parque Oriental de Ribeirão Pires reabre para visitação neste mês

Juliana Bontorim

Cidade inicia instalação de lixeiras na Região Central

Juliana Bontorim

Empreendimento comercial inaugura ponto de descarte para itens não reciclados

Juliana Bontorim
Carregando....

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Saiba Mais

Política de Privacidade & Cookies
error