19.3 C
São Paulo
sábado, 15 jun, 2024
Portal Big ABC by Juliana Bontorim
Big ABC Principal

Cidades da região iniciam vacinação contra gripe

Santo André

A partir desta segunda-feira (12) a Prefeitura de Santo André dará início à campanha de vacinação contra gripe nas 32 unidades de saúde do município. A imunização acontecerá de segunda a sexta, das 8h às 17h.

“A proteção da nossa gente é fundamental para que possamos avançar na direção de um novo normal. Por isso, Santo André é sinônimo de eficiência e segurança na imunização da nossa gente. Mais uma proteção para conseguirmos resistir à pandemia, com cuidado, dignidade e respeito”, afirmou o prefeito Paulo Serra.

A primeira etapa da campanha será dividida em duas fases. Na primeira, que se inicia no dia 12 de abril, a vacinação será destinada a crianças de seis meses a dois anos de idade, gestantes e puérperas.

A segunda fase da primeira etapa terá início em 19 de abril e será voltada para crianças de dois a seis anos de idade, além de trabalhadores da saúde.

A campanha

A escolha dos grupos prioritários segue recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS). São priorizados grupos mais suscetíveis ao agravamento de doenças respiratórias. A definição é respaldada por estudos epidemiológicos e pela observação do comportamento das infecções respiratórias, que têm como principal agente os vírus da gripe.

A segunda etapa da campanha está prevista para começar em 11 de maio, sendo voltada para idosos com idade superior a 60 anos e professores. Conforme novas doses forem enviadas pelo Ministério da Saúde para o município, a vacinação poderá ser aberta para novos públicos.

Ao procurar um posto de vacinação, é importante levar a carteira de vacinação para o registro.

Para as pessoas que não fazem parte do grupo prioritário, a orientação é que sejam adotadas medidas simples de prevenção para evitar a doença, como higiene do ambiente, etiqueta respiratória (como cobrir nariz e boca ao espirrar ou tossir), lavagem das mãos com água e sabão e uso do álcool em gel. Tais ações podem prevenir não só a gripe, como outras doenças, como a Covid-19.

A campanha nacional de vacinação contra a gripe tem previsão de ser encerrada em 9 de julho.

Covid-19

O Ministério da Saúde não recomenda que seja feita a aplicação das vacinas contra a Covid-19 e contra a influenza conjuntamente. A pasta recomenda que as pessoas que estiverem nos grupos prioritários procurem se vacinar antes contra a Covid-19. Especialistas recomendam um intervalo de pelo menos 14 dias entre a imunização contra coronavírus e a vacina contra a gripe.

Texto: Rafaela Mazarin

Foto: Alex Cavanha/PSA

 

São Caetano do Sul

A Prefeitura de São Caetano do Sul inicia nesta segunda-feira (12/4) a Campanha de Vacinação Contra a Gripe (vírus influenza). Nesta primeira etapa, deverão ser vacinadas crianças de 6 meses a 6 anos, além de profissionais de Saúde, gestantes e puérperas. É obrigatório o agendamento no site saocaetanodosul.sp.gov.br, que estará disponível a partir de domingo (11/4). A imunização deste grupo seguirá até 10 de maio.

São dois locais de vacinação. As doses em crianças serão aplicadas na USCA (Unidade de Saúde da Criança e do Adolescente) Amabili Moretto Furlan (Rua Goitacazes, 301, Bairro Santo Antônio), de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h, e aos sábados, das 8h às 12h.

O restante do público-alvo (profissionais de Saúde, gestantes e puérperas) deverá comparecer ao drive thru montado em frente à EMEF (Escola Municipal de Ensino Fundamental) Leandro Klein (Rua Prestes Maia, 100, Bairro Nova Gerty), de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h.

Quem já foi ou está sendo vacinado contra a covid-19 deve agendar a vacinação contra a gripe após período mínimo de 14 dias da imunização contra o coronavírus.

Demais públicos prioritários

A segunda etapa da Campanha de Vacinação contra a Gripe começará em 11 de maio, para idosos (pessoas com 60 anos ou mais) e professores das redes pública e privada.

A partir de 9 de junho será a vez de pessoas com comorbidades e com deficiência (física, auditiva, visual, intelectual e mental ou múltipla); caminhoneiros, trabalhadores portuários e de transporte coletivo; profissionais das forças armadas, de segurança e salvamento e funcionários do sistema prisional; população privada de liberdade e jovens e adolescentes sob medidas socioeducativas.

Texto: Mark Ribeiro
Foto: Eric Romero / PMSCS

Artigos Relacionados

Meio Ambiente de Ribeirão Pires inaugura primeiro Ecoponto

Juliana Bontorim

Conselho do Fundeb tomou posse na Secretaria Municipal de Educação de São Caetano

Juliana Bontorim

Carnaval Kids de Ribeirão Pires contará com Bloco Pet

Juliana Bontorim
Carregando....

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Saiba Mais

Política de Privacidade & Cookies
error