terça-feira, 25 jan, 2022
Portal Big ABC by Juliana Bontorim
Cidades Principal Santo André São Bernardo do Campo São Caetano do Sul

Médica sul-caetanense assume presidência da Fundação do ABC

Ex-secretária de Saúde de São Caetano do Sul, Dra. Regina Maura Zetone Grespan assumiu na manhã desta quinta-feira (13/01/2022) a Presidência da Fundação do ABC (FUABC) para o biênio 2022-2023. A dirigente foi eleita por unanimidade pelo Conselho de Curadores – órgão máximo de deliberação da entidade. O vice-presidente da FUABC, Dr. Luiz Mário Pereira de Souza Gomes, foi reconduzido e seguirá no cargo, assim como José Antônio Acemel Romero, que permanece como secretário-geral.

Dentro da gestão tripartite que rege a Fundação do ABC, as prefeituras instituidoras – Santo André, São Bernardo e São Caetano – se revezam na administração da entidade a cada dois anos. Dra. Regina Maura foi indicada pelo prefeito Paulo Serra em consenso com os prefeitos José Auricchio Júnior e Orlando Morando.

Caracterizada como pessoa jurídica de direito privado, qualificada como Organização Social de Saúde e entidade filantrópica de assistência social, saúde e educação, a FUABC está presente em unidades de saúde instaladas em Santo André, São Bernardo, São Caetano, Mauá, Diadema, Guarulhos, Itatiba, Itapevi, Sorocaba, São Paulo (Capital) e Mogi das Cruzes, além de Praia Grande, Santos e Guarujá.

QUALIFICAÇÃO

Graduada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Santos, especialista em Ginecologia e Obstetrícia, Dra. Regina Maura Zetone Grespan é pós-graduada em Gestão e Economia da Saúde. Em 2007 foi diplomada “Aluna Honorária” do Centro Universitário Faculdade de Medicina do ABC (FMABC). Traz experiência de 25 anos de atuação em gestão de Saúde Pública e 15 anos à frente da Secretária Municipal de Saúde de São Caetano do Sul, sendo a gestora que conduziu o combate à pandemia do novo coronavírus na cidade. Atualmente é professora na Faculdade de Medicina da Universidade de São Caetano do Sul e deixa o cargo de diretora executiva da Fundação de Apoio à USCS (FAUSCS) para assumir a Presidência da FUABC.

A nova dirigente terá o desafio de comandar uma das maiores instituições do País, com cerca de 26 mil funcionários e orçamento de R$ 3 bilhões aprovado para 2022. Hoje a Fundação do ABC é gestora de 18 hospitais e 6 Ambulatórios Médicos de Especialidades (AMEs), além do Centro Universitário FMABC e de uma Central de Convênios, que está à frente de dezenas de unidades nas áreas de Atenção Básica, Saúde Mental, Urgência e Emergência, entre outras.

“Estou emocionada em assumir uma função tão importante para a região toda do ABC. É motivo de muito orgulho e assumo esse desafio com lealdade e austeridade. O máximo de competência que puder colocar estarei empenhando nessa minha atividade. Missão dada é missão cumprida”, afirmou a nova presidente da FUABC.

Nas primeiras palavras à frente da entidade, Regina Maura reforçou dois compromissos centrais de sua gestão. “Essa é uma Fundação sólida, cresceu muito e existe pela Faculdade de Medicina do ABC. Não vamos perder esse foco. Além disso, concentraremos esforços nos municípios da região do ABC. Temos que enfatizar a Saúde em nossas cidades”, garantiu a nova presidente, ao elogiar o trabalho do Conselho de Curadores: “Fiquei encantada com a composição qualificada da Curadoria e da forma como é participativa, dando importante respaldo a tudo que venhamos fazer pela Fundação, pelos municípios e pela Saúde de nossa região”, concluiu.

REFERÊNCIA

Declarada instituição de Utilidade Pública nos âmbitos federal e estadual e na cidade-sede de Santo André, a Fundação do ABC foi criada em 1967 pelas cidades de Santo André, São Bernardo do Campo e São Caetano do Sul, com objetivo de implantar uma faculdade de medicina na região do ABC Paulista. Deu certo! Em 1969, surgia a Faculdade de Medicina do ABC – hoje Centro Universitário FMABC, uma referência nacional em ensino, pesquisa, extensão e assistência.

Ao longo dos anos, a FUABC foi se consolidando cada vez mais como parceira estratégica de municípios e do Governo do Estado de São Paulo para a gestão de equipamentos públicos de saúde, primando pela qualidade no atendimento, alta resolutividade e humanização.

Anualmente, a rede de saúde da Fundação do ABC realiza mais de 5 milhões de consultas e atendimentos, além de 68 mil cirurgias, 83,5 mil internações e 12,6 milhões de exames e procedimentos.

 

 

Texto e fotos: enviados pela Comunicação Fundação do ABC

Artigos Relacioandos

São Caetano inaugura Colégio Municipal USCS e abre caminho para um novo Ensino Médio

Juliana Bontorim

Centro de Compras traz novidades para visitantes com ‘bichinhos’ de estimação

Juliana Bontorim

Casa do Artesão de São Caetano reabre ao público

Juliana Bontorim
Carregando....

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Saiba Mais

Política de Privacidade & Cookies
error