23.8 C
São Paulo
quinta-feira, 22 fev, 2024
Portal Big ABC by Juliana Bontorim
Big ABC Principal São Bernardo do Campo

Julho Verde: Cidade ressalta cuidados contra o câncer de cabeça e pescoço

No Julho Verde, mês da conscientização contra o câncer de cabeça e pescoço, a Prefeitura de São Bernardo reforça o alerta aos cuidados contra essa doença, que surge em áreas da boca, orofaringe, laringe (cordas vocais), nariz, seios nasais, nasofaringe, órbita, pescoço e tireoide. Entre os fatores que colaboram para o aparecimento estão o tabagismo, etilismo, infecções por HPV (sexualmente transmissíveis), má higiene bucal e a desnutrição.
“Estamos no Julho Verde, que chama atenção do público para essas doenças, em especial o câncer. A nossa rede municipal dispõe de aparatos para todo o ciclo de tratamento a partir da infraestrutura e de todos os departamentos que compõem essas especialidades, como clínica geral, atenção especializada, exames e cirurgias, passando ainda pelo atendimento psicológico e fisioterapêutico. Contudo, a prevenção é fundamental”, frisou Dr. Geraldo Reple Sobrinho, secretário de Saúde de São Bernardo.

REFERÊNCIA – Centrado no Hospital de Clínicas (HC) os atendimentos da cabeça e pescoço contam com profissionais multidisciplinares que, por vezes, detectam o câncer ou outras enfermidades em atendimentos junto à Atenção Especializada, como na Odontologia, Endocrinologia e Oncologia. A Prefeitura também realiza mutirões de avaliação e encaminhamento à Saúde Bucal ao longo do ano. Além disso, há campanha preventiva no Poupatempo para detecção do câncer de boca. Encaminhamentos ocorrem também a partir das UBSs, UPAs, Hospital de Urgência e CEO (Centro de Especialidades Odontológicas).

SINAIS 

Mesmo as pessoas que não têm hábitos favoráveis ao surgimento da doença ou antecedentes na família, é importante observar os primeiros sinais. Por exemplo, manchas brancas na boca, aftas e úlceras que não cicatrizam em até duas semanas, nódulos no pescoço, rouquidão persistente, alteração na deglutição, dificuldade ou dor durante a alimentação. Em caso de um ou mais desses sinais, é recomendado ir ao médico, pois o diagnóstico precoce e o tratamento imediato aumentam as chances de êxito para a cura da doença. Ao contrário do que geralmente se pensa, o câncer da tireoide, por exemplo, é o 5º mais frequente, entre as mulheres no País. Contudo, na maioria das ocorrências, há evolução positiva no tratamento e uma das razões para isso está na detecção precoce.

Da Redação.
Fotos: Gabriel Inamine/PMSBC

Artigos Relacionados

Campanha Alimente esse Sonho bate recorde de arrecadação para a APAE Santo André

Juliana Bontorim

Educação de Ribeirão Pires retoma aulas de braille

Juliana Bontorim

Entoada Nordestina traz atrações culturais e arrecadação solidária em São Caetano

Juliana Bontorim
Carregando....

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Saiba Mais

Política de Privacidade & Cookies
error