21.9 C
São Paulo
sexta-feira, 12 abr, 2024
Portal Big ABC by Juliana Bontorim
Big ABC Entretenimento Principal Santo André

Museu itinerante celebra 50 anos do videogame

No ano em que o videogame completa meio século de vida, o Atrium Shopping recebe o Museu do Videogame Itinerante, com a “Exposição 50 anos de videogames” para comemorar e mostrar como aconteceu essa evolução. A atração, que acontece de 5 a 20 de março, apresenta mais de 350 consoles, de todas as gerações, para serem apreciados, além de muita interatividade para o público.

São dezenas de títulos antigos e atuais para jogar, além do Palco Just Dance, simuladores de corridas, torneios, controles gigantes, realidade virtual e as áreas PlayStation 5, Xbox Series e Nintendo Switch.  Além de conhecer consoles e jogos raros em exposição, os visitantes também podem jogar em alguns videogames que fizeram história, como o Telejogo Philco-Ford, Atari 2600, Odyssey, Nintendinho 8 bits, Master System, Mega Drive, Sega CD, Super Nintendo, Neo Geo, Panasonic 3DO, Turbografx, Nintendo 64, Game Cube, Sega Dreamcast, Xbox, Playstation 1, PlayStation 2, entre outros.

Como participar?

A exposição, totalmente gratuita e interativa, resgata mais de quatro décadas de história da evolução dos videogames. De acordo com o curador do Museu do Videogame, Cleidson Lima, entre as relíquias estão o primeiro console fabricado no mundo, o Magnavox Odyssey (criado pelo engenheiro alemão, naturalizado norte-americano, Ralph Baer), de 1972;  o Atari Pong (primeiro console doméstico da Atari), de 1976; o Fairchild Channel F (primeiro console a usar cartuchos de jogos), de 1976; o Telejogo Philco Ford (o primeiro videogame fabricado no Brasil), de 1977; o Nintendo Virtual Boy (primeiro a rodar jogos 3D), de 1995; o Vectrex (console com jogos vetoriais que já vinha com monitor), de 1982; o Microvision (primeiro portátil a usar cartucho), de 1979 e o R.O.B (robozinho lançado juntamente com o Nintendo 8 bits), em 1985.

Além das ilhas de antigos, o Museu do Videogame Itinerante também tem espaço para as novas gerações de consoles. Os visitantes podem jogar lançamentos do PlayStation 5, Microsoft Xbox Series e Nintendo Switch. Além disso, é possível pilotar supermáquinas em cockpits que trazem gráficos como se estivesse em uma pista real. Outra área de destaque é a do PlayStation VR, na qual os visitantes experimentam, gratuitamente, a tecnologia de realidade virtual para os consoles PlayStation.

Para aqueles que curtem dançar e suar a camisa, uma outra atração no evento é o palco Just Dance. Nele, o jogador é desafiado a imitar os mesmos movimentos de dançarinos profissionais virtuais e, assim, alcançar a melhor pontuação no ranking do evento. Os mais bem colocados podem inclusive, participar do concurso Just Dance, no dia 20 de março, da Ubisoft, e faturar brindes e prêmios.

Outro momento mais aguardado é o concurso de Cosplay, que acontece no dia 19 de março, e convida os fãs a se caracterizar e interpretar seus personagens preferidos de anime (animações japonesas), mangá (quadrinhos japoneses) ou videogames.

Sobre o Museu do Videogame Itinerante

O Museu do Videogame Itinerante, que recebe cerca de 5 milhões de visitantes ao ano e já passou por 18 estados brasileiros, é o primeiro do gênero do país registrado pelo Ibram – Instituto Brasileiro de Museus. Em 2014, recebeu o prêmio do Ministério da Cultura como o museu mais criativo do país. Em 2016, foi um dos museus brasileiros escolhidos para representar o país no maior encontro de museus do mundo, em Paris. Em 2019, foi uma das atrações da London Games Festival, o maior evento de games da Inglaterra.

 

Serviço:

Atrium Shopping

Rua Giovanni Battista Pirelli, 155 – Vila Homero Thon, Santo André

Telefone e WhatsApp: (11) 3135-4500

Estacionamento visitantes: 10 reais até 2 horas + 2 reais a cada 2 horas adicionais

 

 

Texto e foto: enviados pela Assessoria de Imprensa Máxima

Artigos Relacionados

Leandro Karnal leva 5 mil profissionais de educação a palestra no Pedro Dell’Antonia

Juliana Bontorim

MBigucci é premiada como Top de Sustentabilidade 2022 pela ADVB

Juliana Bontorim

Projeto Literatura é o Bixo! promove debate de livro indicado para vestibular da Fuvest

Juliana Bontorim
Carregando....

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Saiba Mais

Política de Privacidade & Cookies
error