23.8 C
São Paulo
quinta-feira, 22 fev, 2024
Portal Big ABC by Juliana Bontorim
Big ABC Santo André

Restauro do Cine Lyra, em Paranapiacaba, atinge 40% de conclusão

O restauro do Cine Lyra, em Paranapiacaba, um dos primeiros cinemas do país, atingiu 40% de conclusão. A restauração teve início em março deste ano e vai contemplar quatro espaços centenários que integram o equipamento: edifício multiúso, brinquedoteca, Salão Foyer e Cine Lyra, além de dois anexos, a antiga torre de projeção e dois sanitários externos.

 

“Já caminhamos para quase metade das obras. Estamos felizes com o andamento de uma reconstrução e restauro, sempre feita de forma cuidadosa. Este espaço é muito simbólico para os moradores e turistas, conciliando ferramentas modernas com a contemporaneidade para o uso no dia a dia”, afirmou o prefeito Paulo Serra, que vistoriou as obras nesta terça-feira (19).

 

Após passar por restauração, o Cine Lyra contará com exibição de filmes e receberá eventos educativos e culturais. Muitas das atrações serão direcionadas às crianças, nos mesmos moldes da Sabina Escola Parque do Conhecimento, que recebe visitação de alunos das escolas municipais durante a semana e fica aberta ao público em geral aos sábados e domingos.

 

História – A memória do Cine Lyra começa em 1903. Naquele ano, a Sociedade Recreativa Lyra da Serra foi criada para proporcionar aulas de música e atividades culturais às famílias dos funcionários que se instalaram na Vila para a construção da estrada de ferro Santos-Jundiaí.

 

O espaço recebia também outros eventos festivos e abrigava a Banda Lyra. No antigo salão do prédio foram lançadas as primeiras projeções cinematográficas do Brasil. Daí a origem do Cine Lyra, a segunda sala de cinema inaugurada no país, naquele mesmo ano.

 

As edificações do Cine Lyra ficam na Avenida Fox, s/nº, na parte baixa de Paranapiacaba. O investimento no restauro é de R$ 4.293.104,90, tendo como contrapartida R$ 1.383.169,05 do Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional), R$ 2.469.693,40 do CMPU (Conselho Municipal de Política Urbana) e R$ 440.242,45 da Prefeitura de Santo André.

 

O Cine Lyra é tombado pelo Iphan, pelo Condephaat (Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico do Estado de São Paulo) e Comdephaapasa (Conselho Municipal do Patrimônio Histórico, Artístico, Arquitetônico-Urbanístico e Paisagístico de Santo André).

Regularização fundiária – Também nesta terça-feira, o prefeito Paulo Serra assinou ordem de serviço para início da regularização fundiária de 99 imóveis da parte alta de Paranapiacaba. A partir de agora, começam os estudos técnicos e topográficos para a emissão do título de propriedade para essas famílias.

A reurbanização da parte alta da Vila de Paranapiacaba é objeto do convênio mantido entre a Prefeitura de Santo André e o Programa Cidade Legal, do Governo do Estado. As equipes da Secretaria de Habitação e Regularização Fundiária já finalizaram a análise da área e iniciaram o levantamento cadastral dos imóveis.

Durante o processo de reurbanização dos imóveis da parte alta, a Prefeitura vai realizar também o estudo técnico ambiental de toda a área, além da fazer o cadastro social dos moradores e outros procedimentos contidos na legislação específica.

| Texto: Guilherme Menezes e Daniel Betega
| Fotos: Helber Aggio/PSA | Vídeo: Donizete Gimenez/PSA

Artigos Relacionados

Após falecimento de tutora, mais de 30 gatos precisam de um novo lar

Juliana Bontorim

Rede de espaços de trabalho inaugura primeira unidade no ABC Paulista

Juliana Bontorim

Município entrega nova unidade do programa Viela Pet Parque

Juliana Bontorim
Carregando....

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Saiba Mais

Política de Privacidade & Cookies
error